top of page

Adultos desempregados reagem de forma diferente a depender do tempo de desemprego

Atualizado: 23 de out. de 2022

Mas um fator afeta quase todos, idadismo. Pesquisa realizada pela AARP com 3602 adultos maiores de 45 anos e que experimentaram o desemprego nos últimos 5 anos mostrou que 40% dos 45+ e 62% dos 55+ experimentaram discriminação pela idade na procura por emprego. Os que estavam desempregados por longo tempo (mais de 6 meses) enfrentaram maiores barreiras determinadas pela idade e aparência física.

Mais da metade dos adultos mais velhos desempregados participaram de algum programa educacional para aprimorar as suas habilidades, 53% daqueles desempregados por menos de 6 meses e 34% daqueles por mais de 6 meses relataram que essa capacitação os ajudou a encontrar novo emprego.


Para ler a pesquisa na integra, clique aqui




3 visualizações0 comentário

Opmerkingen


bottom of page